No portão do Céu

Um rapaz está no portão do céu, esperando para ser admitido, enquanto São Pedro folheia o livro sagrado, checando toda a vida dele para ver se ele foi um garoto de valor. Depois de um bom tempo, São Pedro olha severamente para ele e diz:

– Não vejo nada que seja realmente ruim em sua vida, mas também não há nada que seja realmente bom. Se você me provar que fez algo REALMENTE bom, você está dentro.

O garoto pensa por alguns instantes e diz:

– Ahhh, teve uma vez que eu estava indo pela estrada quando vi uma gang gigante de motoqueiros mexendo com uma garotinha indefesa. Diminui a velocidade para ter certeza do que estava acontecendo. Vi uns 50 deles tentando tirar as roupas da mocinha. Parei meu carro, peguei um bastão de baseball e fui em direção ao líder da gang, um cara com uma jaqueta de couro com uma estampa de tigre. Ele tinha uma corrente amarrada da orelha esquerda até o nariz. Enquanto me aproximava dele, os membros da gang foram fazendo uma roda em volta de mim. Arranquei a correntinha da cara dele e dei-lhe uma pancada com meu bastão. O cara foi pro chão com um só golpe. Depois disso eu virei para todos eles e disse: Deixem esta garota em paz. Vocês não passam de um bando de bostas! Voltem para suas casas antes que eu perca a paciência e acabe com suas raças, seus animais!

São Pedro, realmente impressionado perguntou:

– E quando isso aconteceu?

– Ah, faz uns dez minutos…

 

E o engenheiro foi para o inferno…

Um engenheiro morreu e foi aos portais do céu. São Pedro checou seu dossiê e disse:

– Ah, você está no lugar errado.

Então o engenheiro foi aos portais do inferno e foi admitido. Mal havia sido admitido, o engenheiro já estava insatisfeito com o desconforto no inferno, e começou projetando e construindo melhorias.

Pouco tempo depois, eles tinham conseguido ar condicionado, banheiros reformados e escadas rolantes, e o engenheiro era um cara muito popular.

Um dia Deus chamou Satã ao telefone e disse ironicamente:

– Então, como estão as coisas aí em baixo, no inferno?

Satã respondeu,

– Ah, esta tudo muito bem. Nós agora temos ar condicionado, banheiros reformados e escadas rolantes, e isso sem falar o que este engenheiro está planejando para depois.

Deus respondeu:

– O que? Vocês têm um engenheiro? Isso foi um engano ele nunca deveria ter descido para o
inferno. Mande-o subir aqui.

Satã disse:

– Sem possibilidade. Eu gostei de ter um engenheiro na equipe, e continuarei mantendo-o.

Deus disse:

– Mande-o voltar aqui ou eu tomarei as medidas legais.

Satã soltou uma gargalhada e respondeu:

– Tudo bem. Mas onde você irá conseguir um advogado aí no céu?

Aparências enganam

O homem morre e sobe feliz ao céu. Passados uns 150 anos de vida eterna no Paraíso, ele resolve pedir uma audiência com São Pedro, que o atende numa sala com uma enorme janela que da para o Inferno.

– Olha, são Pedro, sinceramente eu estou muito bem aqui, não posso reclamar, mas às vezes olho para o pessoal lá no inferno e me pergunto se eles não têm uma vida mais divertida…

E, apontando com o dedo através da janela, continuou:

– Por exemplo, repare naquele sujeito lá embaixo. Ele está numa boa, sentado num barzinho, bebendo uma cervejinha e acompanhado por uma bela mulher…

– Mas, meu filho – disse são Pedro sorrindo – Você não percebe que aquilo é parte do castigo?

– Castigo? O que isso tem de castigo, São Pedro? – perguntou o homem.

– A garrafa de cerveja tem um buraco por baixo, se ele a levantar da mesa, o líquido vai derramar no chão. – explicou São Pedro.

– E aquela mulher? – voltou a perguntar o homem.

– A mulher? Essa ai não tem buraco nenhum!

Versões

O dono da Microsoft morre num acidente e vai para a triagem, onde encontra São Pedro.

– Bill, desta vez estou realmente confuso – diz São Pedro

– Não sei para onde vou te mandar. É verdade que você ajudou a sociedade a ter “um micro em cada casa”, mas, por outro lado, foi o responsável pelo horripilante Ruindows 95/98 e o Vista. Acho que vou fazer uma coisa pela primeira vez na vida.

Vou deixar você decidir para onde quer ir: Paraíso ou Inferno?

– Qual a diferença entre os dois? – retrucou, Bill.

– Permitirei que visite ambos. Isso te ajudará a tomar a decisão.

– E por onde começo?

– Isso é com você.

– Começo pelo inferno.

E Bill vai para o inferno. Um lugar lindo, claro, com praias belíssimas e centenas de mulheres nuas sob o sol. O mar é azulzinho, assim como o céu, límpido. E Bill adora!

– Isso é o máximo. Se o inferno é assim, quero ver o Paraíso – diz ele a São Pedro.

– OK! – responde São Pedro, que conduz Bill ao Paraíso.

O ambiente é calmo, com muitos anjinhos cantando e tocando arpa. Sem dúvida, um excelente lugar, mas não tão excitante quanto o inferno. Bill pensa, pensa e decide:

– Vou para o inferno.

Duas semanas depois, São Pedro decide visitar Bill e encontra o ex-bilionário espremido numa caverna escura, queimado e torturado.

– Como estão as coisas? – pergunta a Bill.

– Isso aqui é horrível! – responde – Não tem nada a ver com aquele inferno que eu visitei. O que aconteceu com aquele lugar maravilhoso, repleto de praias e mulheres?

– Aquela era a versão Demo.

A Palavra-Chave

Um homem muito bondoso acaba de chegar no céu e uma linda anjinha o recepciona:

– Olá! Você quer morar no paraíso?

– Er, claro! – diz ele – O que eu preciso fazer?

– Você só precisa soletrar uma palavra-chave! Mas tem que acertar na primeira tentativa!

– Certo, qual é a palavra?

– A palavra é… amor!

– Amor? OK, vamos lá… A-M-O-R…

– Muito bem – disse a anjinha, sorridente – Seja bem-vindo ao paraíso! Eu vou te levar pessoalmente, ou melhor, anjoalmente para para conhecer a sua nova casa!

O homem ficou muito feliz no céu e, em pouco tempo, foi promovido e se tornou um anjo.

Até que, algum tempo depois, ele vê a sua ex-mulher chegando nas portas do céu e vai falar com ela:

– Olá, querida! Que surpresa! Como você está?

– Ah, depois que você morreu as coisas mudaram muito! Eu me casei com um empresário multi-milionário e estava vivendo a vida que sempre sonhei. Pra ser sincera eu já tinha me esquecido completamente de você! Mas afinal de contas, como eu faço pra entrar neste lugar?

– Ah, é fácil… – respondeu ele – É só soletrar uma palavra-chave… Mas você precisa acertar na primeira tentativa!

– Certo! E qual é essa palavra?

– Raigwynankinkov!

Festa no Céu

A bicharada resolveu fazer uma super festa no céu e assim que o baile ia começar, descobriram que estava faltando a guitarra.

Imediatamente o Leão, que era o responsável pelas músicas, virou-se para o bicho-preguiça e ordenou:

– Bicho-preguiça! Vá buscar a guitarra lá na terra!

Uma semana se passou e nada do bicho voltar com a guitarra. Putos da vida, os animais se reuniram e foram reclamar com o Leão:

– Isso já é demais! Que falta de consideração! – dizia um.

– O bicho-preguiça é um vagabundo! – rosnava outro.

– Ele não tem caráter – afirmava um terceiro.

E estavam nessa discussão quando, de repente, a porta se abre e surge o bicho-preguiça, com um semblante entristecido:

– Se vocês continuarem me esculhambando eu não vou mais!