Fazer Política

“FAZER POLITICA: expressão na qual o verbo fazer adquire sentido oposto ao de produzir, criar ou realizar alguma coisa.”
(via @PAULOBONFA)
Anúncios

Quando crescer quero ser…

Eu perguntei para a filha de uns amigos o que ela queria ser quando crescer. Ela disse que queria ser presidente. Os pais, de esquerda, estavam em volta e perguntei “se você fosse presidente o que você faria primeiro? ” Ela respondeu “Eu daria comida e casas para todos os moradores de rua”. Os pais dela sorriram de orgulho e disseram: “bem vinda à esquerda!”
“Uau, que ideia ótima!”, eu disse. E continuei, “você não precisa esperar ser presidente para fazer isso. Você pode vir à minha casa, podar o jardim, varrer o quintal e eu te pago R$100. Depois te levo ao mercadinho onde ficam uns moradores de rua e você pode dar o dinheiro a eles”.
Ela pensou um pouco, me olhou e perguntou: “porque o morador de rua não pode ir na sua casa, fazer o trabalho e você paga os cem reais para ele?”
Eu sorri e disse: “Bem vinda à direita”.

Reunião de Socialistas

Em uma reunião de socialistas, o orador pergunta:
– Se vocês tivessem 5 apartamentos, dariam 4 em nome do socialismo?
Todos respondem SIMMMM!
– E se vocês tivessem 5 carros, dariam 4 em nome do socialismo?
Todos respondem SIMMMM!
– E se vocês tivessem 5 galinhas, dariam 4 em nome do socialismo?
Todos respondem SIMMMM, exceto uma pessoa, que diz não!
Todos olham para o que disse não e então o orador pergunta:
– Mas por quê você não daria as galinhas?
E ele responde:
– Porque as galinhas eu tenho!

Eleições – Vereador Pinto

ELEIÇÕES – VEREADOR PINTO

O único que aumenta a população.
É durão mas respeita as regras.
Não gosta de chato.
Sua preocupação é ficar por dentro.
Conta com o apoio das mulheres mais bonitas do mundo.
Sua realização só aparece após 9 (nove) meses.
É modesto, está sempre escondido.
Nas ruas anda de cabeça baixa.
Trabalha em qualquer hora do dia ou da noite.
Não é preguiçoso, levanta por pensamento.
Não gosta de publicidade e suas fotos não saem em jornais.
É pobre, pois vive sempre pendurado.
Chora de prazer quando trabalha.
Honestíssimo, é o único que entra cheio e sai vazio.
Esta sempre na esquerda, embora não seja comunista.
É esportista, joga com duas bolas.
Só fica preguiçoso após o trabalho.
Só faz gol de cabeça, e ainda cuspe na cara do goleiro.
É pobre e simples, e só anda barbado.
É educado, quando vê uma mulher levanta.
Não gosta que puxem o saco.
Não é traiçoeiro, mas às vezes ataca por trás.
Humilde, pois dorme em cima do saco.
Este sim é o seu candidato.

Política Didática

Filho: “Pai, eu preciso fazer um trabalho para a escola, posso te fazer uma pergunta?”
Pai: “Claro, meu filho. Qual é a pergunta?”
Filho: “O que é política, pai?”
Pai: “Bem, vou usar a nossa casa como exemplo. Sou eu quem traz dinheiro pra casa, então sou “O Capitalismo”. Sua mãe administra (gasta!) dinheiro, então ela é o “Governo”. Como nos cuidamos das suas necessidades, então você é “O Povo”. A empregada é a “Classe Trabalhadora”, e seu irmãozinho nenê é “O Futuro”. Entendeu, meu filho?”
Filho: “Mais ou menos, pai. Vou pensar…”
Naquela noite, acordado pelo choro do irmão nenê, o menino foi ver o que tinha de errado. Descobriu que o nenê tinha sujado a fralda e estava todo emporcalhado. Foi ao quarto dos pais e a mãe estava num sono muito pesado. Então, foi ao quarto da empregada e viu,através da fechadura, o pai na cama com a empregada. Como os dois nem percebiam as batidas que o menino dava na porta, ele voltou pro quarto e dormiu.
Na manhã seguinte, ele falou pro pai:
Filho: “Pai, agora acho que entendi o que é política.”
Pai: “Ótimo, filho! Então me explica nas suas próprias palavras…”
Filho: “Bom, pai, enquanto o Capitalismo fode a Classe Trabalhadora, O Governo dorme profundamente, O Povo é totalmente ignorado e O Futuro está todo cagado!”

Relógio da Mentira

RELÓGIO DA MENTIRA

Um cidadão morreu e foi para o céu. Enquanto estava em frente a São Pedro nos Portões Celestiais, viu uma enorme parede com relógios atrás dele. Ele perguntou:

– O que são todos aqueles relógios?

São Pedro respondeu:

-São Relógios da Mentira. Todo mundo na Terra tem um Relógio da Mentira. Cada vez que você mente os ponteiros se movem mais rápido.

– Oh!! – exclamou o cidadão- De quem é aquele relógio ali?

– É o de Madre Teresa. Os ponteiros nunca se moveram,indicando que ela nunca mentiu.

– E aquele, é de quem?

– É o de Abraham Lincoln. Os ponteiros só se moveram duas vezes, indicando que ele só mentiu duas vezes em toda a sua vida.

E o Relógio do Lula, também está aqui?

– Ah! O do Lula está na minha sala.

– Ué!! – espantou-se o cidadão.

-Por quê?

E São Pedro, rindo, respondeu:

– ESTOU USANDO COMO VENTILADOR DE TETO!