O marido do ano

O cara tinha dois ingressos para a final da Copa do Mundo, no melhor camarote do estádio. Quando ele estava sentado no seu lugar, aguardando o inicio do jogo, um torcedor nota que o lugar ao lado do homem estava vago. O torcedor pergunta então se o assento está ocupado.

– Não, não está ocupado – responde o homem.

Assombrado, o torcedor diz:

– É incrível! Quem, em seu juízo perfeito, tem um lugar como este, para a final da Copa, o evento mais importante do mundo, e não o usa?

O homem fixa o olhar nos olhos do cidadão e responde:

– Bom, na realidade, o lugar é meu. Eu comprei o ingresso faz muito tempo. Minha esposa viria comigo, mas ela faleceu. Este é o primeiro Mundial a que não assistiremos juntos, desde que nos casamos, há vinte anos.

Surpreso, o outro diz:

– Mas você não encontrou outra pessoa que pudesse vir no lugar da sua esposa? Um amigo, um vizinho, um parente ou outra pessoa chegada?

O homem nega com a cabeça e responde:

– Não, estão todos no velório…

Respeito ao Enterro

RESPEITO AO ENTERRO

O sujeito estava no boteco tomando umas cachaças, jogando uma partida de dominó com mais três amigos, quando vê um enterro passando pela rua.

Mais que depressa ele interrompe o jogo, levanta-se, vai até a porta, tira o chapéu e fica observando o cortejo, durante vários minutos, em silêncio, com semblante visivelmente entristecido.

Quando o féretro termina de passar, ele recoloca o chapéu na cabeça e volta a sentar-se.

— Esse foi o gesto mais comovente que eu já vi em toda a minha vida! — comenta um dos amigos. — Acho que todos deviam seguir o seu exemplo.

— Bem, depois de quinze anos de casado, acho que era o mínimo que eu poderia fazer!

Lição de vida

LIÇÃO DE VIDA

Um mendigo maltrapilho entra no bar e pede a um freguês que lhe pague um café. Com pena, o cara lhe oferece uma cerveja.

O mendigo diz:

– Não obrigado, não bebo, só quero o café.

O rapaz se oferece para comprar um bilhete de Loteria.

– Não obrigado, eu não jogo, só quero o café.

Com toda gentileza, o rapaz lhe oferece um cigarro.

– Não fumo, eu só quero o cafezinho mesmo – recusa o mendigo.

Penalizado, o rapaz diz que lhe paga uma noitada com uma prostituta.

– Não obrigado, eu não traio minha mulher, só quero um café, só o café.

Então o rapaz leva o mendigo para sua casa e diz para a mulher lhe preparar o melhor café do mundo. Curiosa, ela pergunta ao marido:

– Por que você trouxe esse mendigo sujo, fedido, para tomar café aqui em casa?

– Ele merece. É uma verdadeira lição de vida que você vai aprender. Eu o trouxe para te mostrar como fica um homem que não bebe, não joga, não fuma e não dá umazinha fora de vez em quando!