Inscrições de advertência em ônibus

INSCRIÇÕES DE ADVERTÊNCIA EM ÔNIBUS

Brasil
Fale ao motorista somente o indispensável.

Estados Unidos
Não fale com o motorista.

França
Senhoras e senhores, por favor não falem com o motorista.

Itália
Não fale com o motorista, senão com que mãos ele vai dirigir?

Vaticano
É pecado falar com o motorista.

Alemanha
Não fale com o motorista no ônibus, nem na casa dele, nem em lugar nenhum.

Cuba
Cuidado com o que fala ao motorista.

Inglaterra
Fale com o motorista somente com hora marcada.

Turquia
O que você ganha falando com o motorista?

Bêbado no Ônibus

BÊBADO NO ÔNIBUS

O bêbado subiu no ônibus. Logo na roleta, cambaleando, diz ao trocador:
– Se meu pai fosse um gato e minha mãe um gata, ai eu era um gatinho!
E continua:
– Se meu pai fosse um cachorro e minha mãe uma cachorra, ai e era um cachorrinho!
E fala mais ainda:
– Se meu pai fosse um boi e minha mãe uma vaquinha, ai eu era um bezerrinho!
O Trocador nervoso, pergunta:
– E se seu pai fosse um viado e sua mãe uma puta?
– Ai eu era trocador de ônibus!

Bêbado inconveniente

BÊBADO INCONVENIENTE

No ponto do ônibus, o bêbado, vê a mulher e diz:
– Você é feia, hein?!
A mulher não diz nada. E o bêbado volta a dizer:
– Nossa, mas você é feia demais!
A mulher finge que não da ouvidos.
E o bêbado torna a dizer:
– Puta merda! Mas você é feia demais!
A mulher não se aguenta e diz:
– E você e um bêbado.
– O bêbado: E, mas amanhã eu melhoro!

A freada

O bêbado entrou no ônibus, parou lá na frente e apontando para o lado direito, disse:
– Todo mundo desse lado de cá é veado!
E apontando para o outro lado:
– E todo mundo desse lado é vagabundo!
Um passageiro, inconformado, levantou-se e disse:
– Eu não sou veado!
E o bêbado:
– Então passa para o lado de lá pra não fazer confusão!
Nisso, o motorista furioso freiou o ônibus bruscamente fazendo com que todos os passageiros caíssem no chão, levantou-se,
apontou o dedo na cara do bêbado e berrou:
– Quem foi que você chamou de veado?
E o bêbado:
– Agora eu não sei mais… você misturou tudo!

Bêbado no ônibus

O bêbado entra no ônibus lotado, se espreme daqui, se espreme dali, vai se esgueirando até mais a frente. Na primeira freada brusca, ele cai por cima de uma beata que, irritada, pragueja:
– Talvez o senhor não saiba, mas o senhor vai para o inferno!
E o bêbado, puxando a campainha desesperadamente:
– Pára, motorista! Pára, que eu peguei o ônibus errado!