Vivendo e aprendendo

Não acreditem em tudo que falam para vocês. Tinham me dito que, contra o vírus chinês (Coronavírus), era suficiente ir de luvas e máscara no supermercado, mas quando cheguei, todo mundo estava usando calça e blusa, também. Passei a maior vergonha!

Presente

O namorado está em Nova Iorque e resolve mandar uma lembrança para a namorada. Entra em uma loja e escolhe um finíssimo par de luvas. Pede para a balconista embrulhar enquanto vai ao caixa.

Descuidadamente, a balconista entrega-lhe outro embrulho, com uma calcinha de nylon.

Sem saber do engano, o namorado envia o presente com um bilhete:

– Querida: para mostrar que, mesmo estando longe, não me esqueço de você, envio-lhe esta surpresa; mesmo sabendo que você não usa, pois sempre que saímos juntos, nunca vi. Gostaria de estar aí para ajudá-la a vestir. Fiquei em dúvida quanto a cor, mas a balconista disse que esta não descora nem mancha. Ela experimentou para eu ver e ficou muito bem, apenas um pouco larga na frente, mas ela disse que é para os dedos mexerem mais a vontade e a mão entrar mais facilmente. Depois de usá-la, vire pelo avesso e ponha talco para evitar o mau cheiro. Espero que fique satisfeita tanto quanto eu, pois ela vai cobrir aquilo que em breve lhe pedirei.