Os três amigos

Os três amigos viajavam juntos pela Europa e dormiam sempre num único quarto, porque a grana andava curta.
Certa feita, encontraram um hotelzinho tão vagabundo que só tinha uma cama de casal e, como já era tarde, resolveram passar a noite ali mesmo. Deitaram-se os três lado a lado e um deles, que tinha um mal hálito terrível, foi orientado para que, quando quisesse falar, cutucasse os outros dois, de maneira que eles poderiam se defender, enfiando a cabeça debaixo da coberta.
No meio da noite, o do mal hálito acorda e cutuca os amigos. Estes enfiam a cabeça debaixo da coberta e perguntam:
– O que foi?
E ele:
– Peidei!

Camareiro solícito

Naquele Hotel cinco estrelas, o camareiro muito solícito pergunta ao jovem casal que acaba de se instalar numa de suas suítes:
– Mais alguma, senhor?
– Não, obrigado!
– E sua esposa não precisa de nada?
– Ah, sim! Por favor, me arranje um cartão postal!

Animais no hotel

Um homem escreveu para um hotel fazenda na Irlanda perguntando se eles aceitavam seu cão como hóspede.
Recebeu a seguinte resposta:
“Caro senhor, trabalho no hotel há mais de 30 anos. Até hoje, nunca precisei chamar a polícia para botar para fora um cachorro bêbado no meio da noite. Nenhum cachorro jamais tentou me passar um cheque sem fundos. Nenhum cachorro jamais queimou o cobertor com cigarro. Também nunca encontrei a toalha de rosto do hotel na mala de um cachorro… Seu cachorro é bem vindo! Se o senhor se garante, pode vir também!”