Feio

“O cara era tão feio que quando deitava na areia, o gato tentava enterrar!”
(via @prosapolitica, via Wlade)

Mistérios da Lei antigravitacional

Segue abaixo, um estudo feito por nossos especialistas, que deve resolver o mistério da Lei antigravitacional:Dos fenômenos da natureza:

1) Mais que comprovado pela observação cotidiana sabemos que: um gato que for lançado de uma janela ou outro lugar elevado cairá de pé, com as patas para baixo. Estável sobre suas patas.

2) Está comprovado também por estudos científicos sérios, que ao soltar da mesa em direção ao chão um pedaço de pão com manteiga, ele vai cair com o lado da manteiga para baixo.

Proposição:

Amarrar um pedaço de pão com manteiga, com o lado da manteiga para cima, nas costas de um gato.

Que acontecerá?

1) Cairá o gato sobre suas patas?

2) A manteiga lambuzara o chão?

Analisando o mecanismo do ponto de vista vetorial:

1) Das leis da Manteigologia decorre que a manteiga deve atingir o solo, portanto cria um momento
de rotação que gira o sistema para que a manteiga atinja o chão.

2) Das estritas leis da Aerodinâmica Felina temos que o gato não pode machucar seu dorso peludo.
Portanto exercendo igual momento para que suas patas atinjam o chão.

Dedução:

Se o aparelho combinado: gato + pão com manteiga for lançado, a natureza tem meios de resolver o paradoxo. Portanto, ele simplesmente não cai.É isso mesmo, acabamos de descobrir o segredo da antigravidade! Um gato amanteigado irá, quando lançado, rapidamente mover-se a uma altura onde as forças do pulo-do-gato e da repulsão da manteiga estarão em equilíbrio.

Este ponto de pode ser modificado tirando um pouco da manteiga, o que proporciona uma elevação, ou amputando uma das patas do gato, permitindo assim um declínio.

Muitas das espécies civilizadas do Universo já usam este principio para direcionar suas espaçonaves enquanto dentro de um sistema planetário. O ruidoso zumbido ouvido por muitos dos ufólogos é, de fato, o miar de várias centenas de bichanos.

O perigo óbvio certamente é: se os gatos conseguirem comer os pães das suas costas, eles desabarão instantaneamente. É claro que os gatos vão cair sobre as patas, mas isso provavelmente não adiantará, pois logo após eles efetuarem sua graciosa aterrissagem, algumas toneladas de espaçonaves fumegantes e pobres ocupantes alienígenas cairão sobre eles.

Dados técnicos para construir uma nave espacial com dispositivo antigravidade:

Propulsionar uma nave por meio de gatos congelados em animação suspensa, cerca de -190 graus Celsius, com pães com manteiga amarrados nas costas, evitando assim a possibilidade de colisões devido a felinos temperamentais, ou famintos.

Manobras:

Como guiar a nave, uma vez que os gatos são mantidos estáticos?

Proposta:
Sabe-se que, vestir uma camisa toda branca para ir a uma cantina italiana e uma maneira garantida de fazer uma viagem a lavanderia.

Recobrir o exterior da sua nave espacial com camisetas brancas. Instalar quatro esguichos simetricamente ao redor da nave, que tem, é claro, o formato de um pires. Dispare molho de tomate proporcionalmente as direções que você quer ir. A nave, arrastada pelas camisetas, irá automaticamente seguir o molho.

Se forem usadas camisas tipo T-shirt, não consegue-se ir tão rápido quanto se usar, digamos,
camisas de seda pura.

Exceção:

Só não funciona muito bem nos poços gravitacionais mais profundos, pois o molho de tomate, agora caindo num buraco negro, vai arrastar a nave com ele, a despeito da contra força da máquina antigravitacional gato/manteiga. A única esperança nesse momento é pulverizar enormes quantidades de Omo. Isto criará a tão conhecida Força Gravitacional Dupla Ação.

Como limpar o vaso sanitário

COMO LIMPAR O VASO SANITÁRIO

1. Surpreenda o gato com um movimento rápido, e coloque-o no vaso e feche ambas as tampas. É possível que você tenha que sentar no vaso para que o gato não o abra.

2. O gato vai se agitar e fazer muitas ondas. Não se importe com o barulho que vem do vaso, porque o gato na verdade está gostando do que está acontecendo.

3. Puxe a descarga umas três ou quatro vezes. Isso faz com que haja uma lavação completa, seguida do enxagüe necessário.

4. Peça para que alguém abra a porta da casa. Também não deixe ninguém entre o banheiro e a porta aberta.

5. Coloque-se atrás do vaso o máximo possível, e rapidamente abra as duas tampas do vaso.

6. O gato irá sair correndo do vaso, voará pelo banheiro até chegar fora da casa, onde ele se secará naturalmente.

7. Tanto o vaso sanitário como o gato estarão limpinhos e cheirosos.

Atenciosamente,

O Cachorro

Como fazer um gato engolir um comprimido

COMO FAZER UM GATO ENGOLIR UM COMPRIMIDO

1. Pegue o gato e coloque-o em seu braço esquerdo como se estivesse segurando um bebê. Posicione o dedo indicador e o polegar da mão esquerda em cada canto da boca do gato. Pressione levemente para que ele abra a boca. Tão logo isto aconteça, coloque o comprimido em sua boca. Permita que o gato feche a boca e engula a pílula.

2. Pegue a pílula do chão e o gato de trás do sofá. Encaixe-o no seu braço esquerdo e repita o processo.

3. Apanhe o gato no quarto e jogue fora o comprimido encharcado.

4. Pegue um novo comprimido, coloque o gato em seu braço esquerdo e segure as patas traseiras com a sua mão esquerda. Force-o a abrir a boca e empurre o comprimido até a garganta com o indicador. Feche a sua boca imediatamente e conte até 10 antes de soltá-lo.

5. Apanhe o comprimido de dentro do aquário e o gato de cima do guarda-roupa. Peça ajuda ao marido.

6. Ajoelhe-se no chão com o gato preso firmemente entre os joelhos, segurando suas quatro patas. Ignore os grunhidos emitidos pelo gato. Peça ao marido que segure com força a cabeça dele enquanto você abre a boca. Coloque uma espátula de madeira o mais fundo que puder. Deixe o comprimido escorregar pela espátula e esfregue a garganta vigorosamente.

7. Apanhe o gato que está grudado no trilho da cortina e pegue outro comprimido. Lembre-se de comprar uma nova espátula e remendar a cortina.Cuidadosamente enrole o gato numa toalha de modo que apenas sua cabeça fique de fora. Peça para o marido mantê-lo assim. Dissolva o comprimido em um pouco de água, abra a boca do gato com o auxílio de um lápis e despeje o liquido em sua boca.

8. Veja na bula do remédio se ele e nocivo para seres humanos. Beba um pouco de água para se acalmar. Faca um curativo no braço do marido e limpe o sangue do tapete com água morna e sabão.

9. Busque o gato no vizinho. Pegue um novo comprimido. Bote o gato dentro do armário da cozinha e feche a porta, mantendo a cabeça do gato para o lado de fora. Abra a boca com o auxílio de uma colher de sobremesa. Jogue o comprimido para dentro da boca com o auxílio de um estilingue.

10. Vá até a garagem e apanhe uma chave de fenda para colocar a porta do armário no lugar. Coloque uma compressa fria nos arranhões do seu rosto e cheque quando tomou pela última vez a vacina antitetânica. Jogue a camiseta fora e apanhe outra em seu quarto.

11. Chame o corpo de bombeiros para apanhar o gato do alto da árvore do outro lado da rua. Peça desculpas ao vizinho que se machucou tentando desviar-se do gato. Pegue o último comprimido do frasco.

12. Amarre as patas dianteiras nas traseiras com uma corda do varal e prenda o gato no pé da mesa de jantar. Coloque luvas de jardinagem. Abra a boca do gato com uma pequena chave inglesa. Coloque o comprimido seguido de um pedaço de file mignon. Segure a cabeça dele na vertical e derrame meio copo d’água para ajuda-lo a engolir o comprimido.

13. Peça ao seu marido para leva-la ao pronto socorro mais próximo. Sente-se tranqüilamente enquanto o medico sutura seus dedos e braços e remove partes do comprimido que ficaram encravadas no seu olho direito. Pare na primeira loja de móveis no caminho de sua casa e encomende uma nova mesa de jantar.

14. Procure um veterinário que faca atendimento a domicilio.