O acidente da espertinha

O ACIDENTE

Um homem e uma mulher se envolvem num acidente de grandes proporções: os carros são inteiramente destruídos mas, por sorte, nenhum dos dois está ferido. Depois de conseguirem sair do que restou dos carros, a mulher diz:

– Olha só! Você, um homem, e eu, uma mulher, saímos ilesos de um acidentes desses! Só pode ser um sinal de Deus! Ele está nos dando uma oportunidade para nos conhecer e ficarmos em paz para o resto da vida!

– Concordo – responde o homem – Isso deve ser um sinal divino!

A mulher continua:

– E olha só, um outro milagre: meu carro ficou totalmente destruído mas essa garrafa de whisky não quebrou! Deve ser outro sinal. Vamos beber e comemorar esta sorte. E ela entrega a garrafa ao homem. Ele concorda, abre a garrafa e toma alguns goles diretamente do gargalo. E devolve a garrafa a mulher. Ela a pega, coloca a tampa de volta, e a devolve ao homem. Ele não entende o gesto e pergunta:

– Você não vai tomar?

– Não. Eu vou esperar a polícia chegar com o bafômetro.

A carreta virada

Um jovem fazendeiro viajava com uma carreta cheia de milho quando, em um momento de descuido, a carreta virou. Logo depois do acidente, aparece uma linda garota, que morava na região e ouviu o barulho.
– Olá! Você se machucou?
– Não… Estou bem! – disse ele, abrindo a porta do caminhão. – O problema agora vai ser desvirar a carreta!
– Ah, não se preocupe! Esquece um pouco disso, vem almoçar na minha casa e depois eu arrumo gente pra te ajudar!
– Ah, não sei – diz ele, apreensivo – É muita bondade sua, mas acho que meu pai não iria gostar se eu fizesse isso.
– Ah, deixa disso, vai? Vamos comigo!
– Bom, tudo bem! – disse ele, não resistindo às tentações da moça – Mas eu tenho certeza que meu pai não vai gostar…
Ela não entendeu nada, mas levou o novo amigo pra casa dela. Lá eles comeram e a garota se ofereceu de sobremesa. O garoto, novamente titubeou, mas não resistiu. Depois ela queria mais, porém agora ele teve que negar:
– Olha, moça! Estou adorando tudo isso, mas infelizmente vou ter que ir! Meu pai deve estar furioso comigo!
Ela, inconformada com a atitude dele, esbravejou:
– Assim não dá! Chega de falar do seu pai! Afinal, onde está ele?
– Ah, ele ficou debaixo da carreta!

O Acidente de Ônibus

Numa noite escura, voltando de uma carreata pelo interior, um dos ônibus, lotado de políticos sai da pista, capota duas vezes e cai numa fazenda. O fazendeiro acorda assustado e vai ver o que aconteceu.

Ao se deparar com aquela terrível visão, rapidamente começa a cavar um buraco, onde enterra os corpos.

Alguns dias depois, um investigador bate a sua porta e faz várias perguntas sobre o acidente.

– E onde estão os políticos?

– Eu enterrei eles naquela cova ali!

– Mas estavam todos mortos? – espanta-se o policial.

– Bem… alguns diziam que não… mas o senhor sabe como os políticos são mentirosos!

Amiga da onça

Duas bichinhas estavam passeando quando uma delas, ao assustar-se com uma borboleta, caiu num poço. Na queda, ela quebrou as duas pernas e os dois braços.

Ficou lá em baixo, imóvel, berrando por socorro. A outra, mais que solícita, saiu correndo para pegar uma corda. Toc, Toc, Toc, Toc, Toc (onomatopéia do salto da bichinha correndo).
Ela chegou e jogou a corda para a amiga em apuros.

– Vai, pega essa corda, Mona!

– Mas como? Se estou toda quebrada… – retrucou a bicha em perigo.

– Gruda os dentes na corda, boba!

E lá se foi a bicha a cravar os dentes e a subir. Aaaasssshhhhh, Ashhhhhhhhh, Assshhhhh (onomatopéia da bicha ajudando a outra a subir).

Quando finalmente a bicha estava quase chegando à boca do poço, a amiga diz:

– Bicha, que dentes mais lindos! Tô passada!

E a outra:

-Obrigaaaaa.a.a.a.a.a…a…a…a….a….


Conheça também meu blog Reflexões e Utopias


Acidente Indecente

O sujeito está sozinho em casa, assistindo futebol e tomando sorvete, quando de repente toca o telefone:
– Alô! O senhor é o marido da Helena?
– Sou eu mesmo! Por quê?
– Tenho uma notícia um tanto desagradável para lhe dar: ela estava no banco de passageiro de uma Ferrari conversível que capotou três vezes na Avenida Central!
– Meu Deus! – grita o marido, desesperado – Ela morreu?
– Não… O motorista morreu… Mas a sua esposa foi jogada para fora da Ferrari, caiu em cima de um arbusto e acabou escapando ilesa!
– Ufa, que alívio! – desabafou o marido – Então eu não tenho razão para me preocupar…
– Tem sim! – continuou o informante – Você nem imagina o que ficou preso na boca dela!

Mineirim esperto

Um avião, cheio de deputados e senadores, cai numa mata em Minas Gerais.

Um minerinho que viu a queda foi até o local e enterrou todo mundo. No dia seguinte, um helicóptero que procurava o avião desaparecido, ao ver os destroços, pousou.

– Onde estão as pessoas que estavam no avião?

– Uai sô!!! Interrei tudo.

– Mas não podia, pois eram políticos importantes. E não tinha nenhum vivo?

– Óia!!! Inté discunfiei que tinha. Eu gritei: “TEM ARGUÉM VIVO AI?” Uns 10 levantô a mão.

– E onde eles estão?

– Uai!! Interrei anssim mermo, pruque du jeito que político mente… num creditei em ninhum deles…