No ar

O paraquedista pula do avião, puxa a primeira cordinha, mas o paraquedas não abre. Então puxa a cordinha de reserva, mas o paraquedas continua sem abrir. Em plena queda livre, e para seu espanto, ele vê um homem que está subindo pelo ar.

– Você conserta paraquedas? – o paraquedista pergunta, desesperado.

– Nãoooo! – o outro grita – Eu só conserto botijão de gáááááááás!