A ceia

Estavam reunidos em um almoço oferecido por um dos milhares de ouvintes após um costumeiro sermão de horas em que Jesus ministrou na Galiléia.

Desde cedo tanto ele como seus Apóstolos nada haviam comido, e estes agradeceram a Deus por Jesus ter aceitado este almoço, oferecido tão generosamente, afinal já passavam das 14h00 e ainda não haviam comido nada.

Reunidos em volta da mesa, os pratos se apresentavam por demais apetitosos. Pedro já ia lançando mão na travessa de frango quando o mestre diz:

– Pedro, Pedro, não irás lavar primeiro as mãos?

Recompondo-se, Pedro diz:

– Sem dúvida ó grande mestre, já ia agora mesmo fazê-lo. E Pedro entra na fila para lavar as mãos.

Tão logo termina a tarefa, volta a se recostar ao redor da mesa e lançando mão na travessa onde estava o frango é novamente interrompido por Jesus que diz:

– Sem dúvida não iremos nos alimentar sem antes agradecermos ao Pai por esta generosa mesa, não é mesmo Pedro?

Novamente se recompondo Pedro diz:

– Lógico meu Senhor. Por favor, represente-nos em oração.

– Com o maior prazer meu caro Pedro.

E Jesus inicia uma oração que parece não ter mais fim. Pedro nesta altura do campeonato já não se aguenta de tanta fome, principalmente com o delicioso cheiro do frango que exala de uma das travessas sobre a mesa.

Assim sendo não se contém, pega uma coxa e mesmo enquanto Jesus orava, Pedro devora o suculento pedaço.

Ao terminar a oração, Jesus abre os olhos e olhando para a travessa de frango percebe que o mesmo agora somente tem uma coxa. Nisto pergunta a Pedro.

– Não acha interessante caro Pedro, o frango sobre a mesa para nos alimentarmos dele ter apenas uma perna?

Pedro mais do que depressa responde:

– Não, não acho não meu Senhor. Não sabias tu que nesta região é comum encontrarmos frangos de apenas uma perna?

E nesta hora percebe um frango que dorme empoleirado próximo a uma janela e diz:

– Veja o Sr. mesmo meu Senhor aquele frango, tem apenas uma perna.

Jesus com uma cara de desconfiado e não acreditando na cara de pau de Pedro, chega perto do frango e grita:

– Passa, passa!

E o frango acorda e sai andando com suas 2 pernas.

Em seguida Jesus olha para Pedro e ameaçando uma resposta é imediatamente interrompido pelo mesmo, que diz:

– Mestre, mestre, o Sr. não perde a mania. Sempre fazendo seus milagres, hein?