Com açúcar

O motorista entra num bar de beira de estrada e pergunta:
– Quanto custa um cafezinho?
– R$ 0,50 – responde o balconista.
– E o açúcar?
– Ah, o açúcar é de graça!
– Então me vê 3 quilos.

Anúncios

Sepultamento da sogra

A sogra do sujeito acaba de morrer. Ele está discutindo com o pessoal da funerária.
Perguntam-lhe:
– A defunta determinou o que ela queria que fosse feito de seu corpo?
– Não – responde o sujeito.
– Então o senhor tem que decidir: pode ser cremado, embalsamado ou simplesmente enterrado.
O sujeito responde:
– Os três! Não vamos lhe dar nenhuma chance!

Para pendurar na parede, próximo ao telefone

Como se livrar do Telemarketing

1. Se estiverem te oferecendo cheque especial, diga que você acabou de ser despedido e que esta oferta caiu do céu.

2. Se começarem com “Como você está?” responda com “Por que você quer saber?”. Ou então você pode dizer: “Que bom que você perguntou, porque hoje em dia ninguém mais se importa… Eu estou com tantos problemas… Meu nervo ciático está doendo outra vez, minha gastrite está voltando com tudo, meu cachorro morreu…”. Quando começarem a querer vender algo, continue a se queixar.

3. Se o sujeito disser que ele é o José Silva da empresa XYZ, peça-lhe para soletrar o nome e o sobrenome, e depois o nome da empresa, peça para dar o endereço completo, e continue fazendo perguntas pessoais ou sobre a empresa até ele se cansar.

4. Aos gritos, em tons bem simulados de prazer e surpresa, diga: “Zé? É você? Não acredito! Zé, onde é que você se meteu?”. Possivelmente, isto provocará no Zé alguns momentos de terror enquanto ele tentar descobrir de onde você o conhece.

5. Diga “Não” sempre. Sempre. Varie o som e a tonalidade do “não”, e dê um tempinho até ele ameaçar falar algo. Esta pode ser uma das mais engraçadas se você conseguir manter o monólogo até ele desligar.

6. Se te pedirem para indicar um amigo, responda, com a voz mais sinistra que possa arrumar “não tenho amigos… você quer ser meu amigo?”

7. Se for uma lavador de carpete, pergunte: “Vocês tiram manchas de sangue? Dessas bem grandes, de sangue humano e de bezerro…”

8. Deixe a pessoa fazer seu discurso, com um mínimo de interferências do tipo “hã-hã” ou “Sei” ou “interessante”. Na hora em que pedirem para dar seu número de cartão de crédito, diga que você não pode dá-lo a um estranho.

9. Diga que você trabalha na mesma empresa que ele.
Exemplo:
– Eu sou o Zé da Aguatrônica.
– Da Aguatrônica? Eu trabalho lá também. De que unidade você está chamando?
– Da Central
– Da Central? Que legal! E como estão as vendas? Pena que a empresa não permite fazer vendas entre funcionários. Mas foi um prazer conversar com você.

10. Atenda. Assim que você perceber que é telemarketing, ponha o fone na mesa e diga alto: “Oh meu Deus!” e coloque de novo no gancho.

11. Diga ao sujeito que você está ocupado e que se ele lhe der seu número de telefone você ligará de volta. Se ele disser que não está autorizado a dar o número, peça para dar o de casa, que você ligará à noite. (Este é provavelmente o meio mais eficiente de se livrar deles)

Separação

Um político encontra com um amigo, também político.
– Quero te comunicar que hoje eu decidi tomar uma das mais importantes decisões da minha vida.
– O que foi?
– Vou me separar!
– Acho uma boa decisão! A sua mulher realmente é uma vagabunda. E todo mundo aqui da Assembléia já dormiu com ela.
– Eu estava pretendendo me separar do partido…