Lá em Goiânia…

Sábado, como de hábito, o goianinho levantou cedo, vestiu-se silenciosamente, chupou uma manga, comeu uma fatia de queijo, um pouco de curau e mais uma pamonha, e até passeou com o cachorro.

Em seguida enterrou o chapelão na cabeça, foi até a garagem e engatou o barco de pesca na sua pick-up 4×4.

De repente, começou a chover torrencialmente. Aquela chuva forte que costuma alagar a cidade e derrubar árvores em cima dos carros, ventos a mais de 80 km/h.

Ligou o rádio na Terra FM e entre uma musica de chora corno e outras ouviu que o tempo seria chuvoso durante todo aquele dia. Voltou imediatamente pra Casa, pois goiano tem um medo danado de chuva.

Silenciosamente tirou a roupa e deslizou rapidamente para debaixo dos lençóis. Afagou as costas da sua mulher suavemente e sussurrou: “O tempo lá fora está terrível”.

Ela, ainda meio adormecida, respondeu: “Você acredita que o idiota do meu marido foi pescar com esse tempo?”

Anúncios